Embaixada de Portugal na Grécia

Ministério dos Negócios Estrangeiros

VÍRUS DO NILO OCIDENTAL - ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

As autoridades gregas reportaram o recrudescimento de Vírus do Nilo Ocidental, devido às condições climáticas favoráveis à propagação do mosquito transmissor da doença. Até ao momento foram identificados 153 casos, dos quais 17 mortos,na Grécia e as autoridades sanitárias gregas estão a acompanhar a situação.

Medidas de precaução geral a tomar:

Para além dos medicamentos que normalmente necessitem, os viajantes devem vir munidos, entre outros, de repelentes de insetos, de preferência contendo DEET, cumprindo a sua aplicação de acordo com as recomendações. Aconselha-se igualmente o uso de vestuário  que cubra a maior parte possível do corpo e, preferencialmente, de cores claras.

Para mais informações consulte as informações em língua inglesa no site da OMS – Organização Mundial de Saúde - http://www.euro.who.int/en/health-topics/communicable-diseases/vector-borne-and-parasitic-diseases/news/news/2018/8/west-nile-virus-infections-spike-in-southern-and-central-europe.

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail